sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Especial Uruguai - Piriápolis

Hotel Argentino
Novamente estávamos no ônibus, na expectativa de um novo destino. Desta vez seria Piriápolis, praia de lindas paisagens, que é um dos destinos preferidos dos uruguaios no verão. Nessa hora minha fome já era devastadora aos meus sentidos. Quem me conhece sabe o quanto eu me torno perigoso quando estou com fome. Por isso, nem prestei muita atenção na explicação da guia sobre a cidade – algo que depois me arrependi amargamente. Só ouvi que é uma cidade muito mística, cheia de mistérios. Há quem veja seguidamente ovinis passando por ali. Na cidade há um castelo que foi a habitação de Piria, fundador da cidade. Há fortes boatos sobre fantasmas neste castelo...
A visita à cidade teria duas paradas. A primeira em um morro alto, ponto turístico movimentado, onde poderíamos visitar uma capelinha, com a imagem do Santo Antonio. Imaginem a quantidade de mulheres ao redor do santo pedindo um marido! Havia algumas lojinhas com preços salgados em volta. Para enganar a fome comemos um delicioso picolé de fruta. A vista era linda! Mais uma vez a parada rendeu belas fotos.
Quando descemos pudemos ver a praia de perto. O mar era calmo, quase um rio. A areia era fofa e branquinha. O calçadão era bem conservado, com lindos pilares sustentando um pequeno muro. Uma praia perfeita para quem quer paz e sossego. Do outro lado, restaurantes e lojinhas, estrutura parecida com praias brasileiras. Eu agradecia pelo dia tão lindo que fazia. O Sol estava quente e o vento trazia alívio... Que combinação!
O picolé enganou o estômago por tempo suficiente até chegarmos ao restaurante indicado pela guia. Seria meu primeiro contato com a culinária uruguaia – bom, o primeiro com comida feita lá. Ficamos amigos de um casal que já visitou o país 8 vezes. Eles nos indicaram o Chivito, uma espécie de hambúrguer com uma carne assada. Eu adorei, já que o cardápio novamente era caríssimo e o Chivito era o mais barato! Também tomamos a famosa cerveja Zillertal e tivemos uma desagradável surpresa... Os caras tomam cerveja QUENTE! Ecaaaa. Coisa de americano! Que desperdício! O garçom, diferente da maioria dos uruguaios que cruzamos, foi meio ríspido no atendimento, mas mesmo assim exigiu os 10%. Tudo bem, queríamos aproveitar o pouco tempo naquela linda praia.
Tínhamos uma hora pra “conhecer” aquele pedaço disponível de Piriápolis. Conseguimos tirar umas fotos no belíssimo hotel-cassino Argentino. Não vi por dentro, mas tive a impressão de que é freqüentado por pessoas de alto poder aquisitivo.
O tempo passa rápido quando estamos ocupados. Eram 16h quando nosso passeio por Piriápolis chegou ao fim. Aquela cidadezinha, cheia de curiosidades e lugares a serem explorados, me despertou interesse. Ficaria muito feliz se pudesse voltar lá pra desfrutar com calma tudo que ela oferece.
Sentei na janela feliz e ansioso, em menos de duas horas finalmente chegaríamos ao nosso ponto principal:Montevidéu.
Som do Camaleão: Tá perdoado - Maria Rita

4 comentários:

  1. Adoro essas histórias de mistério, são misteriosas kkkk

    Um super feliz ano novo, espero que você consiga concluir seus objetivos pra esse ano.

    Abração amigão, este ano contigo também.

    ResponderExcluir
  2. Viagens são sempre bem vindas. Que pena que não prestou atenção na explicação e histórias do guia, sempre valem a pena. Fiz turismo e sei bem disso, uma curiosidade ou outra é legal. Bom, que você faça muitas viagens ainda (: Fiquei até com vontade de ir a Piriápolis.

    ResponderExcluir
  3. Muito bem descrita a cidadezinha que mal tivemos tempo para explorar...mas com certeza a cerveja e o garçon não vamos esquecer...hehehehe

    ResponderExcluir
  4. Olá....achei seu blog por acaso, pq estava procurando notícias de Piriápolis...
    Relembrei minha estadia lá nas suas descrições.
    Ururguai é realmente muito belo, mas me apaixonei por Piriápolis.
    Fiquei lá 5 dias, foi tipo mochilão....eu e um amigo nos hospedamos num Hostel (albergue), e exploramos a cidade por 2 dias a pé e de onibus, e tb Punta e Montevidéo....é barato andar de ônibus por lá...
    Tem muitos lugares bonitos que tb não conseguimos ir, como Colônia Sacramente, Cabo Polônio...por isso quero voltar mais vezes...
    Se quiser ver meu vídeo com as fotos, procure no youtube por Férias no Utuguai Março/2009.
    Bjos....Vanessa

    ResponderExcluir

Obrigado por estar aqui.
Comente! Afinal este espaço também é seu.